20 de ago de 2004

A Prostituta

Não há mais segurança jurídica, há interesses. Se estes se chocarem com a Constituição, muda-se está para não prejudicar o apetite. Assim foi para promover a reeleição do professor Cardoso. Assim está sendo para que Lula possa cumprir com os compromissos com os Bancos. A única dúvida é se o interesse é dos bancos ou bancário. Se for dos Bancos, Lula apenas assume em mais um aspecto a defesa das grandes corporações. Se for também bancário, vem aí mais uma "casa da Dinda".
Uma cidadã pode ser prostituta? Ulisses Guimarães havia chamado a Constituição Federal de 1998 de Cidadã. Assim mesmo, com letra maiúscula. Mas foram tantos os abusos, os estupros, a mercancia encima de seu corpo, que hoje está num asilo, administrada por velhinhos que ajudaram a desfigurá-la. Sua palavra, como num grande big brother, é monitorada por quem a explora.
Depois da decisão do Supremo, monitorada pelo Planalto, os cursos de Direito pelo Brasil afora devem se adaptar para os novos tempos. O melhor será aquele que terá na cátedra Malufs e Lulas como professores...
Triste e lindo brazil!

Nenhum comentário: